Ir para o conteúdo

Conferência aborda regulação e fiscalização de profissionais de saúde na América portuguesa

12/09/2017

“Médicos, cirurgiões e boticários na América portuguesa: normativa régia e desenvolvimentos locais (1549-1808)” é o tema da palestra da professora Laurinda Abreu, da Universidade de Évora. O encontro é uma realização da Casa de Oswaldo Cruz (COC)/Fiocruz, por meio do seu Programa de Pós-Graduação em História das Ciências e da Saúde (PPGHCS). O objeto da palestra são os médicos, cirurgiões, civis e militares, e boticários presentes nos arquivos da administração central (1.325 indivíduos em 2.688 registos documentais), que, em algum momento da carreira, solicitaram licença para exercer a profissão no Brasil ou indicaram residir ou ter nascido no país.

Em discussão estará, em termos genéricos, o enquadramento normativo elaborado pela Coroa para regular e fiscalizar os profissionais de saúde na América portuguesa, entre 1549 e 1808. Também será analisado o modo como esses atores interagiram com as condições locais, criando dinâmicas profissionais bastante distintas das verificadas na metrópole, que, não raras vezes, condicionavam a aplicação das diretrizes reais.

Serviço

Título da conferência: “Médicos, cirurgiões e boticários na América Portuguesa: normativa régia e desenvolvimentos locais (1549-1808)”

Data: 26 de setembro

Hora: 10h

Local: sala 910 – prédio da Expansão do Campus da Fiocruz

Endereço: Avenida Brasil, 4036 - Manguinhos. 


Compartilhe

Facebook Twitter Google Plus E-mail Imprimir

Compartilhe

Facebook Twitter Google Plus E-mail Imprimir