Ir para o conteúdo

'HCS-Manguinhos' recebe trabalhos para número sobre medicalização do parto

07/08/2017

A revista História, Ciências, Saúde – Manguinhos recebe trabalhos para o número especial A medicalização do parto em perspectiva sócio-histórica até 30 de setembro. Os originais deverão ser submetidos online nos idiomas português, espanhol e inglês. Serão aceitos trabalhos para as seções Análise, Imagens, Nota de Pesquisa e Fontes. As instruções aos autores estão disponíveis no portal SciELO.

Acesse também:
Blog da revista HCS-Manguinhos
Última edição: Regulação de alimentos no Brasil em destaque

A publicação, editada pela Casa de Oswaldo Cruz (COC/Fiocruz) busca colaborações que reflitam sobre o processo de medicalização do parto em diferentes regiões do Brasil e de outros países, sob diversas perspectivas disciplinares, com ênfase em análises direcionadas às tecnologias, às práticas e à ampliação das intervenções médicas no processo de gestação e parto.

A partir do século 19, o parto ingressou no âmbito da medicina e, aos poucos, foi se transformando em um evento medicalizado. Esse processo se ampliou fortemente no decorrer do século 20, em diversas regiões do globo, trazendo importantes vantagens relacionadas, principalmente, à diminuição dos índices de mortalidade materna e neonatal.

A intensificação da medicalização do nascimento, no entanto, também aponta para problemas, à medida em que a excessiva tecnologização tem gerado críticas e insatisfações, em especial no que concerne às consequências clínicas, físicas e emocionais do excesso de intervenções. O processo de medicalização do parto e suas consequências têm sido um desafio para a sociedade brasileira e vem mobilizando diferentes campos do mundo político, técnico e acadêmico.

Os estudos realizados até o momento são importantes para se conhecer o panorama atual do parto, no entanto as transformações no processo de gestação e parto são pouco estudadas em perspectiva sócio-histórica.

Do blog de 'HCS-Manguinhos'


Compartilhe

Facebook Twitter Google Plus E-mail Imprimir

Compartilhe

Facebook Twitter Google Plus E-mail Imprimir